Procedimentos
 
Epilação a Laser
 

O que é?

 
Os pêlos apresentam a função de proteger orifícios como narinas, conduto auditivo e olhos. Também protegem áreas importantes como couro cabeludo (dos traumas, dos raios ultravioletas e do frio) e a área genital. Outra função é a sensitiva, sendo eficaz para reconhecer sem o uso da visão, a presença de insetos e diversos contatos.

Com a evolução da espécie humana, o uso de roupas e mudanças de padrões culturais, foi ocorrendo uma perda natural nas funções dos pêlos no corpo humano.
No último século alterações nos padrões de beleza e mudanças culturais levaram a que cada vez mais áreas do corpo fossem expostas, e uma pele lisa e sem pêlos tornou-se o desejo de homens e mulheres.

Algumas mulheres com excesso de pêlos em determinadas áreas apresentam dificuldade de relacionamento e até complexo quanto à aparência masculinizada.
Outras profissões como modelos e atletas (principalmente nadadores) necessitam eliminar os pêlos para manterem-se no mercado de trabalho.

Lâminas, aparelhos elétricos, ceras, cremes e pinças são métodos bastante populares, porém todos de cunho temporário e muitas vezes com efeitos desagradáveis como inflamações (foliculites) e pêlos encravados.

Como solução para remoção definitiva dos pêlos havia apenas a eletrólise, mas com os grandes inconvenientes de ser dolorosa, demorada, necessitar de inúmeras sessões, não ser possível em áreas extensas e ter complicações: inflamações, infecções, queimaduras, manchas e cicatrizes.

Há alguns anos surgiram vários tipos de laser para pêlos, porém a maioria de custo muito elevado e que podiam ser usados apenas em peles claras, pois em peles morenas e negras poderiam provocar pequenas queimaduras e manchas. O acesso a esta nova tecnologia estava limitado então a pessoas com pele clara e muito dinheiro!

Os aparelhos e a tecnologia evoluíram. Hoje é possível tratar todas as cores de pele com segurança, sem dor e preço mais acessível.

Diferença entre Depilação e Epilação

A remoção de pelos pode ser realizada por dois modos: a Epilação e a Depilação.

Epilação é quando ocorre a remoção por extração dos pelos inteiros incluindo as porções abaixo da pele, como parte do bulbo piloso. Ex: pinças, ceras, aparelhos elétricos que arrancam os pelos, LASER, luz intensa pulsada (LIP/IPL), eletrólise.

Depilação é a remoção de pelos rente à superfície da pele não sendo atingido as porções internas dos folículos pilosos. Os pêlos são apenas aparados ou cortados. Ex: por lâminas de barbear, cremes depilatórios, navalha, aparelhos elétricos.

Redução Permanente de Pelos ou Epilação Definitiva, popularmente chamada Depilação a LASER, Depilação definitiva ou Fotodepilação, é o termo técnico para a remoção definitiva de pelos, significa que houve uma destruição completa do folículo piloso, bulbo piloso e suas células matrizes (células germinativas), portanto não haverá mais a produção de um novo pelo por esta estrutura, e o número de pelos na região tratada diminuiu. Esta é realizada pelo método de fototermólise seletiva (LASER/Luz Intensa Pulsada).

Como funciona a depilação a LASER?

O princípio clínico sobre o qual se baseia a ação do LASER para eliminar os pelos, é chamado fototermólise seletiva.

A luz emitida pelo aparelho, graças a sua potência e tempo de impulsos muito altos, tem uma elevada capacidade de penetração na pele. A luz ao atingir o bulbo piloso é transformada em calor pela melanina aí presente e permite a destruição do bulbo, da bainha epitelial e de pequenos vasos capilares que o nutre.

Os pelos só são eliminados na fase Anágena (fase de crescimento), quando existe uma maior concentração de melanina e maior contato com as estruturas do folículo piloso o que permite a sua destruição.

Por esse motivo, na “depilação a LASER” são necessárias várias aplicações em intervalos distintos para cada região. A cada aplicação uma parte dos pelos e da capacidade de produção de novos pelos é eliminada. Nas sessões subseqüentes, é conseguido um resultado cada vez melhor.

Os pelos têm a capacidade de crescer até certo ponto e podem cair e ser eliminados espontaneamente. Quando um pelo é eliminado espontaneamente, um novo pelo é gerado pelo próprio folículo piloso. É por esse motivo que quando ocorre a remoção de pelos por qualquer um dos métodos convencionais, os pelos crescem novamente, em quantidade, espessura e cor, iguais ou até aumentadas. Este ciclo de crescimento do pelo tem 3 fases, chamadas Fases de Crescimento.

A quantidade de “folículos pilosos” (estruturas que geram pelos) varia em cada região do corpo (ex: na face existem cerca de 500 folículos por centímetro quadrado enquanto nas pernas existem apenas 60 folículos em cada centímetro quadrado).

O crescimento e diferenciação dos pelos podem ser afetados pelo uso de alguns medicamentos (ex: anticonvulsivantes), disfunções hormonais (ex: menopausa, ovários policísticos) e algumas doenças (ex: tumores).

1. Fase de crescimento   2. Fase de regressão
     
 
     
3. Fase de repouso   4. Fase de queda e crescimento de um novo pêlo
     
 

O que fazer antes da depilação a LASER?

- Marcar a avaliação médica na qual são colhidas e dadas informações sobre o tratamento a LASER. O paciente/cliente é examinado e já são testados os aparelhos para o seu tratamento. As consultas e avaliações duram em torno de 60 minutos e o paciente/cliente experimenta e confirma que o procedimento com nossos aparelhos pode ser indolor e sem necessidade do uso de anestésicos.

            - Na região a ser tratada:

  • Interromper o uso de cremes depilatórios 7 dias antes do procedimento.
  • Interromper o uso de aparelho de barbear ou lâminas para depilação 2 ou 3 dias antes.
  • Executar depilação com cera até 15 a 20 dias antes.
  • Evitar o uso de pinças e outros aparelhos que arranquem os pelos.
  • Interromper o uso de Ácidos e substâncias abrasivas 3 a 5 dias antes, conforme orientação médica,
  • O pelo pode ser aparado com tesoura.
  • Evitar exposição ao Sol no mínimo 20 dias antes do tratamento.
  • Interromper o uso de técnicas de bronzeamento artificial e aceleradores de bronzeamento.
  • Não descolorir os pelos.

No dia do tratamento:

  • No momento da “depilação a LASER” não estar com maquiagem, desodorante ou cremes na região a ser tratada.
  • Informar ao médico a ocorrência de exposição solar nos últimos 20 dias.
  • São feitas fotografias de controle pré-tratamento.
  • Realiza-se limpeza da região.
  • Pelos densos (grossos) são aparados ou raspados rente à pele.
  • Será aplicado o aparelho de LASER mais indicado para a cor da pele e dos pelos de cada indivíduo.
  • Finaliza-se com aplicação de um creme ou protetor solar.

 

Após o a tratamento:

O cliente deve evitar usar água muito quente no dia do tratamento.
Evitar bronzeamento. Exposição ao sol não é recomendado 20 dias antes e 7 dias depois do tratamento.
Compressas geladas podem ser usadas na área tratada caso haja uma pequena ardência.

Dependendo do aparelho que foi usado no tratamento, poderá ocorrer discreta ardência e/ou vermelhidão na área tratada, que desaparecerão até duas horas depois de tratamento. Usar compressas geladas.

Não há formação de crostas nem bolhas.

Desde o segundo dia após o tratamento poderão estar apontando na pele pêlos que não foram tratados pela luz, principalmente na face e pescoço devido à grande densidade de folículos pilosos destas regiões.

Entre o 10º e o 20º dia os pêlos cairão espontaneamente na região tratada. O resultado de cada sessão de tratamento será melhor visto após o 20º dia.

A seguir, dependendo da região tratada e de características individuais, a área estará sem pêlos ou com poucos pêlos por 10 a 30 dias.

O intervalo das seções varia de 30, 40 e 60 dias dependendo da região que está sendo tratada.
Ex: Buço, queixo, barba: 30 a 40 dias de intervalo,
Axilas, pernas virilhas: 40 a 60 dias.

COMO GARANTIR UM RESULTADO EXCEPCIONAL:

- Realizar a avaliação médica, sanar todas as dúvidas e obter todos esclarecimentos sobre o método.

- Entender que a epilação a laser/luz intensa pulsada é um tratamento e não uma forma de depilação.

- Seguir as recomendações médicas: evitar exposição ao sol, respeitar o intervalo das sessões, não arrancar os pêlos com cera ou pinças, usar protetor solar com FPS no mínimo 30, não mexer nos pêlos encravados, não descolorir os pêlos

- O método de epilação a laser promove uma redução permanente de pêlos, necessitando de sessões sucessivas para obter o melhor resultado possível para cada indivíduo, pois a luz age apenas nos pêlos na fase ativa de crescimento e com cor e espessura bem definidas, não atingindo aqueles que estejam na fase de repouso, nem os que sejam finos, claros ou brancos.


 
Dicas
  Crescimento de Cílios     Cor da Pele
Já é possível alongar e aumentar a quantidade dos cílios de modo duradouro... A coloração da pele é um fator de grande relevância na busca de um...
   
   
saiba mais saiba mais
             
  Clareamento Íntimo     Madonna Lift
Algumas mulheres podem apresentar a pele das regiões íntimas mais... Levantar as sobrancelhas, tratar olheiras escuras, rugas dos cantos...
   
   
saiba mais saiba mais
 

 

 
  Serviços  
Epilação a Laser/IPL
O tratamento de Depilação Permanente inicia-se com a Consulta de Depilação, altura em que é elaborad...
     
  saiba mais  
     
  Toxina Botulínica/BOTOX  
  A aplicação de Botox é um dos procedimentos não cirurgicos mais requisitados nos consultórios...  
     
  saiba mais  
     


Nome*
Email*
Observação